QUER ENGRAVIDAR: SAIBA COMO

Oi meninas,

Estava aqui lembrando de quando eu queria engravidar (da Laura) e não conseguia. Então resolvi fazer um post com dicas para quem está tentando ou pensando em ter. Fiquem de olho e “mãos a obra”! Rs

1 – Depois que decidirem (o casal) engravidar comece tirando todos os seus métodos anticoncepcionais.

2 – E após a decisão em conjunta a minha primeira dica é Mãos a obra (esse item realmente dispensa comentários). Rs Mas faça isso sem neurose e também sem pressões psicológicas de ambas as partes.

3 – Já comece a tomar o ácido fólico se não conseguir marcar um ginecologista para uma data próxima. O ácido fólico ajuda a prevenir doenças do tubo neural no bebê e possíveis defeitos alem de não ser contra indicado tomar sem estar grávida. Muito pelo ao contrario a minha gineco recomendou tomar pelo três meses antes de se querer engravidar (ao contrário do que se pensam ele não ajuda a engravidar, ele apenas previne má formações desde os primeiros dias de vida, mas para os homens estimula a produção dos espermatozoides).

4 – Depois procure e marque um horário com a sua ginecologista/obstetra de confiança ou arranje uma. Está muito difícil de arranjar um gineco por causa das mudanças na realização dos partos, então já procure uma e tire todas as suas dúvidas já na primeira consulta, não tenha vergonha e pergunte tudinho mesmo (se aceita tudo pelo plano, se faz parto normal, onde faz o parto, de dá o telefone de contato emergencial etc..).

5 – Diminua a ingestão de bebidas alcoólicas, cigarro, café, refrigerantes e comece a ingestão de comidas mais saudáveis, já preparando o seu corpo para a gestação. Lembre que ganhará peso nela. Ahhh esses itens citados diminuem a fertilidade!

6 – Comece a fazer uma atividade física nem que seja só uma caminhada, isso facilitará a recuperação do peso no pós parto e ajudará no equilíbrio do organismo, logo na sua fertilidade também.

7 – Faça o uso da Tabelinha, que nada mais é do que um método que ajuda a engravidar mais rápido, pois ela ajuda a descobrir quando é o período fértil. Como calcular: caso tenha um ciclo menstrual de 28 dias, marque seu primeiro dia de menstruação no calendário e conte 14 dias. Nesta data, você estará no seu dia fértil. Mas, como esse dia pode variar devido a situações de stress, alterações hormonais e outros, fique atenta e se ainda tiver duvida em como calcular clique aqui.

8 – Você pode aumentar as suas chances de engravidar utilizando os calendários da fertilidade/ovulação. Com a Laura eu usei um aplicativo do celular o “Calendário M”(que eu usava para controlar também as datas da menstruação) e também verificava o período no site da Baby Center Brasil, Clique aqui. Mas deixo uma outra opção que eu acabei de achar, o site da Mam Baby, Clique aqui.

9 – Aumente ainda mais a sua fertilidade comendo alimentos que ajudam na produção dos hormônios como por exemplo, ostras, frutas secas, gemas de ovos, centeio, aveia, banana, brócolis, peixes gordos, sementes que contenham ácidos graxos e omega 3 e 6.

10 – Saiba quando você está ovulando. Você sabe como?Não?! Então verifique a sua temperatura corporal, seu muco vaginal, ou com testes e aparelhos eletrônicos específicos ou ainda avaliar sua “dor” na hora que ovular.

  • Pela temperatura: Registre a sua temperatura basal sempre antes de se levantar, ao longo de vários ciclos, dessa forma você irá determinar a altura do ciclo em que a ovulação costuma ocorrer. Assim, uns dias antes da data prevista, começe a ter relações sexuais, de preferência em dias alternados e mantenha os “treinos” até dois dias depois da data prevista para a ovulação (isso é mais indicado para quem tem o ciclo regular).
  • Pelo muco vaginal: Dias antes da ovulação, o muco produzido pelo útero se altera, se tornando mais espesso e elástico (viscoso). Este muco é chamado de muco fértil,ele irá favorecer a mobilidade dos espermatozoides.
  • Pelos testes: 1 – O L-Sophia e Mini-Sophia é um pequeno aparelho computadorizado que indica os dias férteis da mulher utilizando-se de dados da data da ultima menstruação, da temperatura basal e do muco cervical (ele é importado e o preço bem salgado). 2 – Teste Confirme de fertilidade é o mais acessível desses dois, comprado nas farmácias e custa em média R$ 40,00. Ele parece um teste de gravidez, vem com cinco tirinhas que vc coloca em contato com a urina, ele mede o aumento do hormônio Luteinizante (LH) na urina humana para prognosticar o período de ovulação. Mas nesse caso você deve ter uma previsão da data da ovulação, quem tem ciclos irregulares terá dificuldades com ele (eu utilizei por dois meses tentando engravidar da Laura).
  • Pela “dor”: Algumas mulheres apresentam dor no momento da ovulação, como eu por exemplo. O que acontece nesse caso. A ruptura do folículo ovariano para liberar o óvulo, pode causar uma discreta irritação do tecido, causando dor no lado onde está o ovário que ovulou. O problema nesse caso é se você quiser tentar “escolher”o sexo do bebê – dificulta a vinda de uma menina.

          Para se ter uma filha: coma frutas cítricas e tenha relação sexual nos dias que antecede a ovulação.

          Para se ter um filho: invista em muitos derivados do leite e transe exatamente após a ovulação ou nos dias posteriores.

 

Abaixo segue uma foto retirada da internet com algumas mudanças corporais que ocorre no período fértil.

 

 

Se gostou, dê um like e compartilhe essa ideia…e se você tem alguma dica para aumentar as chances de engravidar, por favor comente e vamos conversar.

Tags :
Voltar ao artigo anterior
Ir ao próximo artigo

Sobre Vanessa Almeida Moyses

Oi meninas, sou a Vanessa, Mãe de duas princesas, Bianca com 3 anos e Laura com 5 meses, alem disso sou dona de casa, professora escolar e blogueira. Tenho diversos hobbys, o que mais me realiza é ser mãe em tempo integral e descobrir como realizar as tarefas de maneira mais fácil e didático possível em benefício das minhas meninas.

Deixe uma Resposta

Prometemos não incomodar.
Os campos com * são obrigatórios.

*

Voltar ao Topo